Pequenas obras (sempre atualizando)

O amadurecimento

Muitas pessoas me acham maduro demais, mas essa maturidade foi se escupindo com o tempo. A cada decepção eu me tornava uma pessoa mais forte. Nunca abaixei a cabeça, sempre olhei para ver se o erro estava em mim, e foi aí que errei. Por que sempre achamos que o erro está em nós? A partir dessa pergunta comecei a ver o mundo de outra forma. Nós não temos poder sobre a escolha de outras pessoas, nós não temos o poder de fazer alguém ficar em nossas vidas. Damos motivos para que fiquem, se não querem, azar o delas. Temos que aprender a ver o mundo de uma outra forma, de um jeito que nos deixem fortes. Temos que nos preparar para as coisas, como por exemplo, terminar um namoro e ficar bem logo em seguida. Perder alguém próximo e continuar seguindo em frente com a cabeça erguida. Não conseguir algo e continuar tentando. Falando de uma forma informal, taca o foda-se para as coisas. A vida é sua, não deixe que pessoas estraguem ela, não permita que te façam mal, não permita que atitudes de outras pessoas te afetem. Pense em você, você é uma história nisso que chamamos de tempo. O amadurecimento é necessário, fará você viver leve e sem nenhum peso na cabeça. Isso não é egoísmo, isso é querer estar bem consigo mesmo.

William Heleno

Quando a chuva começa a cair

Dias de chuva são dias normalmente mórbidos. As nuvens chegam carregadas e junto delas, os pensamentos e lembranças. Para uma cabeça perturbada, um dia de chuva é o prato cheio para a tristeza. E junto à melodia da água caindo, há a harmonia entre o barulho da mente e o coração, que lhe trás sentimentos, muitas vezes, ruins. A sintonia de seu corpo e mente, com a natureza, é de fato, algo perceptível.

William Heleno

Já disse eu te amo hoje?

É insuportável a dor de perder alguém que você ama. Aquela pessoa que estava com você ali todos os dias. Agora o que resta é somente saudade. O peito fica apertado, porque sabe que está faltando algo. Um simples “Bom dia”, “Boa noite” e “Eu te amo” faz muita diferença. Que vontade de ter você aqui agora. Porra! E você? Já disse “Eu te amo” pra quem você ama hoje? Aproveita enquanto você pode e lute para que sempre possa dizer.

William Heleno

Decepções

É engraçado que mesmo nos achando maduros, sempre acabamos levando uma daquelas pancadas que dói. Talvez a alma seja uma criança para sempre, que ainda está aprendendo a caminhar sozinha, caindo e levantando. Porém, por mais que achamos que não vamos cair mais, a vida nos concede um tropeço pra nos mostrar que não devemos baixar a guarda.

William Heleno

A frieza que permanece

Noites frias dizem muito e nos fazem questionar várias coisas. A brisa gelada beija seu rosto enquanto você imagina ela ali. Quem é sua companhia de verdade a não ser o frio que te abraça e envolve seu corpo inteiro?

O frio invade o seu interior porque o fogo que ali habitava, foi se apagando. O frio se alastra em cada parte sua fazendo com que a frieza te domine. O coração não, não permita.

Uma vez frio, o gelo machuca!
Imperceptível!
Silencioso!
Melancólico ao final de cada queda de lucidez.
Brisa fria vem e vai embora.
Brisa fria que vem e se despede.
Brisa fria que chega e se muda.
Brisa fria que nem ao menos vem.
Talvez um dia agradeça pela não permanência.
Porque gosto mesmo é de sentir o calor, o complemento que talvez nunca tivera…

William Heleno

2 comentários em “Pequenas obras (sempre atualizando)

Adicione o seu

  1. Sobre o texto decepções, acho que não é a questão de baixar a guarda, e sim de entender que quando entramos na questão relacionamentos, o infelizmente, nem todos estão conectados, ou na mesma sintonia, ou querendo a mesma coisa. Nem sempre existe o final feliz.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: