Pequenas obras (sempre atualizando)

O amadurecimento Muitas pessoas me acham maduro demais, mas essa maturidade foi se escupindo com o tempo. A cada decepção eu me tornava uma pessoa mais forte. Nunca abaixei a cabeça, sempre olhei para ver se o erro estava em mim, e foi aí que errei. Por que sempre achamos que o erro está em... Continuar Lendo →

Uma página do diário da insanidade

E aqui estou novamente na frente do mesmo bar na beira da estrada no deserto. São exatamente 18:15 e vejo no horizonte o sol sumindo e deixando o céu alaranjado com pontos roxos. Maravilhoso! A droga desse Volkswagen 68 ainda abandonado aqui no canto, cheio de areia. Que triste um lindo carro todo fodido. Mas... Continuar Lendo →

Doce Bom Dia

Uma voz doce e suave vem ao meu ouvido: - Amor? Acorda! Já são oito horas. Abro meu olhos devagar e vejo aquele sorriso lindo. Aquele olhar brilhante. Sua boca vem lentamente se encontrar com a minha, suavemente elas se tocam e ali ficam por um momento. - Bom dia dorminhoco - disse ela sorrindo.... Continuar Lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑