Sentimento assassinado

Me sinto culpado por quase tudo o que acontece. Me cobro por tudo. Sempre acho que posso fazer algo para mudar algo. Mas infelizmente não é assim, as vezes as coisas não estão mais em nossas mãos. Eu fiz de tudo por nossa história, por você, porém você sempre fugiu. Mas por te amar eu sempre fui atrás para tentar segurar suas mãos. Queria poder te ajudar em tudo, queria poder te abraçar e dizer que está tudo bem, que estaria sempre ali do seu lado. Queria poder te ensinar a sentir novamente, a encarar os sentimentos, a amar. Eu queria poder te salvar! Queria poder fazer muito mais coisas. Mas eu fui trancado em uma sala e você jogou as chaves fora, e antes de fechar a porta você disse que me amava.

Eu perdi minhas forças, não sabia mais como reagir. Um amor recíproco e sendo deixado. O que eu poderia fazer? Lutar sozinho é em vão, porque o amor era nosso e não só meu. Do que adiantaria eu querer proteger, fortalecer e cuidar se você sempre fugia. Eu não poderia ficar correndo atrás do meu amor, isso não é certo, eu não estava ali para te caçar ou algo assim, eu estava ali para te amar. E foi assim que aos poucos eu fui morrendo, e junto a mim, meus sentimentos. Assassinado por quem eu amava, você.

-William Heleno

2 comentários em “Sentimento assassinado

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: